NOTÍCIAS

16/06/17 | Centro Cultural

Festival de Outono das Américas apresenta atrações latinas

festival de outono

O palco do Teatro Bradesco  do Centro Cultural Minas Tênis Clube recebe,  nos dias 16 e 17 de junho, um festival inédito na cidade, o Festival de Outono das Américas. O evento conta com apresentações de artistas da América Latina, entre músicos, contadores de histórias, de México, Argentina e Brasil. A iniciativa é do Instituto Âmbar, que tem, entre suas ações, o objetivo de realizar pesquisas e promover eventos culturais e artísticos, além de incentivar o intercâmbio cultural de tradições dessas localidades. Os ingressos custam R$ 30.

A exemplo do Festival Dia de Los Muertos, realizado no ano passado, na Serraria Souza Pinto, que reuniu milhares de pessoas e superou todas as expectativas de público e de alcance social, o Festival de Outono das Américas  pretende, ainda,  integrar a política de estímulo do setor cultural em BH, que ganha reforços no sucesso que a cidade tem experimentado na área artística cultural.

Pelo ineditismo da iniciativa  -  é comum a realização de  festivais de Inverno, Verão e Primavera, mas não o de Outono -  o Instituto Âmbar mostra para a cidade o  reconhecimento do outono como forma de fechar os ciclos das estações, de deixar ir o que não nos serve mais e trazer o novo, o inédito, o criativo. De acordo com os organizadores do evento, o olhar para a cultura das Américas, reconhecendo suas ancestralidades como referências de origem, de legados e de similaridades com o Brasil, reforça a importância de se avançar na própria história e enriquecer os projetos culturais que possam vir desse encontro.

Muito mais que um Festival, o Instituto Âmbar quer trazer para a cidade de Belo Horizonte, que já tem se mostrado bastante receptiva a eventos culturais de grande porte e visibilidade, uma nova visão sobre a cultura dos povos das Américas.

Na programação, os músicos argentinos Daniel Namkay e Érika Valero & banda, a contadora de histórias mexicana Abigail Burgos, além dos grupos do Instituto Âmbar, do Brasil,  de música Kokopelli; de dança, o Roda Viva; e de teatro, o Teatro Brujo; entre outras performances.

COMPRE AQUI

Data: 16 e 17 de junho, sexta-feira e sábado
Horário: 19h
Classificação: livre
Ingressos: R$ 30
Horário de funcionamento da bilheteria: de segunda a sábado, das 12h às 20h, e domingo, das 12h às 19h. A bilheteria funciona até 30 minutos depois do início do espetáculo. Formas de pagamento: dinheiro e todos os cartões de débito e crédito. Horário de abertura da plateia para entrada do público: 30 minutos antes do horário da apresentação.
Mais informações: (31) 3516-1360
Estacionamento com acesso interno: entrada pela rua da Bahia, ao lado do Teatro. Após estacionar o veículo, o usuário chega ao Teatro por elevador interno, com rapidez e segurança.  O Estacionamento fica aberto até meia hora após o fim do espetáculo. Valores: R$ 12, para sócios, e R$ 24, para não sócios

Outras Notícias

  • Testemunha de luta

    Ponto de Partida - Vou Voltar (42)
    19/08/17 | Centro Cultural

    O Grupo Ponto de Partida da cidade de Barbacena estreou sua nova peça no Teatro Bradesco do Centro Cultural Minas Tên...

    saiba mais
  • Beleza e canção

    Susana e Jean (29)
    13/08/17 | Centro Cultural

    O Teatro Bradesco do Centro Cultural Minas Tênis Clube recebeu na noite de 12 de agosto mais um show do projeto ̶...

    saiba mais
desenvolvido por